Category Archives: Palestras

  • 5
PSORIASE

Palestra sobre a Psoríase

Tags : 

PSORIASE

A psoríase é uma afeção da pele muito frequente, não contagiosa, que surge devido a uma rápida reprodução e proliferação das células da pele, e pode acontecer em qualquer idade. Manifesta-se sob a forma de placas, em lesões discretas ou ocasionalmente de uma forma violenta com lesões extensas, pondo em risco até as articulações.
Embora a OMS a declare como uma doença crónica ou incurável, quando a pessoa que dela padece decide sair da frequência vibracional em que se encontra a recuperação é um sucesso.
Quais são as pessoas que correm o risco desta doença?
– Pessoas que não se sentem realizados no papel que desempenham. (não se sentem confortáveis na sua pele)
– Pessoas que se rejeitam com facilidade.
– Pessoas que se sentem atingidas na sua integridade.
– Pessoas que têm medo de ser magoadas.
– Pessoas com problema de identidade
– Pessoas que recusam assumir a responsabilidade de seus próprios sentimentos.
– Pessoas demasiado sensíveis ao que se passa no mundo exterior.
– Pessoas que dão demasiado valor ao que os outros pensam de si.
– Pessoas que têm dificuldade em se aceitar. Etc. Etc.
A Psoríase é uma doença da pele: Veja-se então, a Pele é o revestimento que protege o corpo. Além de ser o maior órgão do corpo humano; a pele é um órgão excretor, sensitivo e encontra-se em constante contacto com o mundo exterior. No fundo, a pele mostra a imagem da pessoa ao mundo. A imagem que temos de nós mesmos é transparecida na pele.
“Descreve-me a tua pele que eu te digo quem és” dizia Marco António
Alguns entendidos dizem que todos os problemas de pele estão relacionados com a vergonha que a pessoa vive em relação a si mesma.
Seja qual for a razão que criaram a Psoríase, ela indica sempre que a forma de pensar e as crenças que a pessoa tem a seu respeito a incomodam e é urgente a sua mudança.
Se te identificas com alguma coisa que aqui foi escrito, e queres saber como podes recuperar deste ou de outro mal de Pele; não faltes a esta palestra.

 


  • 0
ponte1-300x198

Palestra: “Liberte a depressão e venha dançar com a vida”

Tags : 

Luz

Para que se possa fazer luz é preciso esclarecer que a depressão é uma doença de sentimentos e emoções; a pessoa que dela sofre vive um sentimento real e muito doloroso. Mas somente a recuperação pode trazer resultados maravilhosos. A Depressão é um grito de socorro.

TIREM-ME DAQUI”!

A saída da depressão não se obtém com químicos mas com um salto quântico ou transição para outra frequência da realidade. Por essa razão quando irrompe um incêndio no quarto do deprimido, a realidade é outra e a pessoa deixa a depressão.
Embora a indústria divida a depressão em dois grupos: Endógena e exógena ou reativa, não é propósito desta palestra defender qualquer tese apresentada até hoje. As teses defendidas ao longo das décadas, limitaram-se a fornecer explicações da doença, exibindo terapêuticas, que fechavam o utente num círculo vicioso “de pescadinha de rabo na boca”, esquecendo a sua verdadeira causa (o vazio espiritual), e a sua recuperação.
Se verificarmos chega-se à conclusão que a humanidade vive a maior e mais fascinante aventura da sua história. Tudo se altera a uma velocidade vertiginosa. Somos envolvidos diariamente com essa realidade; mas para usufruir desta maravilhosa aventura tem que abandonar os princípios enganadores com que fomos educados. O conceito de estabilidade, é sem dúvida a mentira mais enganadora e destrutiva com que se ludibriou o homem moderno. A ilusão da matéria e a “zona de conforto”, são a consequência disso. Impedindo assim o homem de hoje a surfar cada onda da vida com alegria e amor.
A depressão está diretamente imbuída no mundo ilusório da matéria que já não satisfaz o homem de hoje. Depressão ou “noite escura da alma”, advém da ilusão materialista dos sentidos. Fomos educados desde crianças a procurar a estabilidade, invalidando sonhos ,desejos e talentos; em troca dum falso conceito que somente existe na morte.
A vida é uma corrida de obstáculos e provas; transpor cada um com amor e alegria, é fazer da vida um fluxo em contínuo crescimento.

António Shiva


  • 0
Depressão, as trevas da alma

PALESTRA “DEPRESSÃO, AS TREVAS DA ALMA

Depressão, as trevas da alma

 

 

A depressão deixou de ser tabu, para ser amplamente publicitada, alimentando a indústria de medicamentos que mais vende no mundo. A OMS, Organização Mundial de Saúde, diz que a depressão é a doença do século XXI e reconhece cerca de 350 milhões de pessoas deprimidas no mundo. Esses dados indicam que apesar de muito se ter investido na cura da doença, ela não deixa de crescer e causar um sofrimento em todos os extratos sociais. A depressão é a galinha de ovos de oiro da indústria farmacêutica, justificando assim o grande investimento nesse sector, que mais lucros gera.
O que é que está mal?
Porque é que quanto mais se investe no tratamento, mais a doença alastra?
Como sair depois de entrar na depressão? Apesar dos sintomas serem bem nefastos, e quem os sente estar em grande sofrimento; a depressão é uma ilusão dos sentidos. Como é que a “doença do século” pode ser uma ilusão dos sentidos? Quem é que nunca se sentiu enganado pelos sentidos? Sabemos que o Planeta Terra se move no espaço a uma velocidade vertiginosa, e agora que escrevo estas palavras tudo parece parado. Imagine-se alguém submerso em profunda depressão, e que de repente irrompe um incêndio em seu quarto; será que ele não fugia de imediato, esquecendo a depressão? Então porque tantos milhões estão agarrados a esse sofrimento?

 

Não deixe de participar na palestra, pondo suas dúvidas. Ajude-se e ajude a esclarecer a causa de tanto sofrimento. Envie suas dúvidas para:

esclarecimento@solucaoperfeita.com

Suas dúvidas serão esclarecidas na palestra de Sábado 3 de Janeiro de 2015


  • 0
humanidade-doente

A HUMANIDADE ESTÁ DOENTE

Tags : 

humanidade-doente

A HUMANIDADE ESTÁ DOENTE

Continuação

Porque se insiste em alimentar uma indústria que somente envenena e mutila”?

Mens Sana in corpore sano

(“uma mente sã num corpo são”)

Qual é a força que obriga o homem moderno a desperdiçar energia, lutando contra a doença, em vez de respeitar a inteligência infinita que rege o corpo humano?

Que mundo é este, em que diariamente se gastam milhões de Dólares, Milhões de Euros, Milhões de Libras em pesquisa para se encontrar a cura e os doentes multiplicam-se a cada dia que passa?

A humanidade está cada vez mais doente, apesar duma crescente oferta de serviços de saúde. Uma doença, não vem do nada, da sorte ou do azar, quando se manifesta, é sinal que se atingiu o limite físico. Todos temos um limite de energia física, emocional e mental diferente. O limite físico, ou a manifestação da doença, somente acontece depois do limite mental e emocional ter sido atingido. Somatização – o corpo reage de acordo com o agir da mente.

Então como se explica uma doença hereditária?

Uma doença hereditária significa que a pessoa herdou a maneira de pensar e de viver do progenitor, que transporta essa doença. Embora também possam existir razões de Karma mais profundas, o artigo de hoje, tem como objetivo esclarecer como corrigir as causas das doenças crónicas.

Vamos aprofundar um pouco mais e vejamos o anunciado da lei universal da saúde que se anuncia assim:

“O mundo que se cria na mente é o mundo que se expressa fisicamente. “

Apesar de todos estarem de acordo de que não existe efeito sem causa, a humanidade continua a cada dia que passa mais enferma.

Tudo no universo obedece a uma ordem. Desde o Big Bang da criação, que a vida não parou de crescer. Este crescimento é regido por leis universais que se autocumprem. A resistência a essas leis, criam o que geralmente se chama Stress. Stress é energia sustida, uma bomba que explode quando se atingem os limites da resistência.

Embora saibamos que tudo em nossas vidas e na vida de todos que nos rodeiam é afetado por leis que tudo criam e alimentam, o homem moderno ainda está muito agarrado ao conceito Newtoniano.

Por favor tenham um pouco de paciência; estejam de mente aberta, porque as próximas palavras podem mudar a vossa vida.

Se analisarmos a história da humanidade, damos conta que o homem sofria os flagelos consoante as suas crenças. Durante cinco mil anos a humanidade estava convicta que nascia sobre uma determinada influência astral, e que devido a essa influência, estaria condenada a um destino. Guiavam suas vidas consoante os movimentos Cósmicos. Não tinham responsabilidade por elas, eram simplesmente vitimas ou bem fadados pelos movimentos astrais. Assim a humanidade sofreu diversas Pestes.

Isaac Newton, nascido em meados do seculo XVII, trouxe uma nova realidade para a humanidade com a descoberta da lei gravidade. Esse modelo não foi de imediato aceite pela humanidade, levou séculos a ser aceite. Com o conhecimento desta lei, a humanidade teve um grande crescimento. O homem deixou de ser comandado, como que dum fantoche se tratasse para comandar.

Embora este conceito seja o predominante na sociedade atual, ele separa o homem do universo. Tornando-o vazio, infeliz e doente. Quanto mais tem, mais medo tem de perder. É este conceito predominante de desenvolvimento externo, que o afastou cada vez mais da verdadeira essência humana.

No início do seculo XXI, Thomas Young com a experiência da dupla fenda, abre a porta de “todas as possibilidade estão no mesmo lugar”. Embora nessa altura pudesse apenas provar que a luz era onda, contradizendo o conceito Newtoniano dos fotões serem partículas.

Mas afinal o que o conceito Newtoniano tem a ver com a humanidade doente? Tudo! É graças a esse conceito da realidade que ainda predomina na sociedade moderna, que se continua a procurar fora o que está dentro. Distanciando cada vez o homem daquilo que procura. Essa é razão de apesar de se gastarem milhões diariamente, a humanidade está cada vez mais doente.

Porque é que o Conceito de Universo Quântico pode curar a Humanidade?

No conceito Quântico o Ser Humano assim como tudo que existe, faz parte de um todo. Nada é separado; tudo faz parte. Não é possível separar a causa do efeito.

Este novo conceito será a grande vitória desta nova era. Este novo conceito implica vários conhecimentos de grande importância.

Esta é a base que sustenta a palestra de amanhã por favor esteja presente on- line, ponha dúvidas seja esclarecido.

António Shiva

antonio@solucaoperfeitra.com

Não hesites vem, partilha a entrada é grátis basta clicar neste link.

http://solucaoperfeita.com/palestras/

ou neste,

http://www.gvolive.com/conference,mereces

ESPERO-TE


  • 0
hirn_modell_21

COMO CORRIGIR A CAUSA DAS DOENÇAS CRÓNICAS – 2

Tags : 

hirn_modell_21

COMO CORRIGIR A CAUSA DAS DOENÇAS CRÓNICAS

Parte 2

Continuação

Ficou claro no artigo anterior que, para que uma doença se desenvolva precisa condições para tal. Assim sendo, basta retirar as condições que a doença precisa, para que seu processo evolutivo seja travado. Sim; mas não é suficiente… travar a evolução, não resolve o problema. Apenas trava a evolução.

Para que que exista a extinção da doença, é preciso algo mais amplo. É necessário recuperar da inércia, ampliar a visão, e transitar para uma nova consciência. Isso somente se consegue com boa vontade e mente aberta.

Antes de continuarmos é importante relembrar que: A OMS alerta a humanidade para o facto de 85 % das doenças serem Psicossomáticas, que é o mesmo que dizer, que o corpo reflete o que se pensa e sente. E qualquer médico experiente e honesto pode afirmar; que sentimentos e emoções reprimidas geram uma poderosa tensão que esmaga até à exaustão um órgão mais sensível, até à manifestação do sintoma que normalmente damos o nome de doença.

Não nos alongando no que é sobejamente conhecido, basta uma busca no Santo Google, e toda essa informação está disponível.

E então; como corrigir a causa, em vez de cegamente se lutar contra o sintoma, que o máximo que consegue é uma melhoria fictícia, ao mesmo tempo que enfraquece o organismo.

Ainda hoje um leitor de nosso Blog deixou este comentário, na página da Asma e Bronquite – “olá eu tenho asma crônica e bebo cloreto de magnésio PA a mais ou menos uns 3 meses todos os dias 1 vez ao dia, mas infelizmente não tive melhoras, pelo contrário fico com um peito muito cansado um desconforto e falta de ar toda vez q eu bebo uma vez fiz nebulização com cloreto e me desencadeou uma crise, e olha q eu faço exercício respiratório e uso remedio Chamado xxxxxxxx, vou fazer o teste ficar um tempo sem tomar o cloreto, infelizmente não tive a mesma sorte q vcs !!!!” Aqui está um caso típico. Para que esta ou outra doença crónica possa ser suprida; não basta tomar este ou aquele remédio suplemento ou veneno. Por exemplo, este leitor usa um remédio broncodilatador que ajuda as vias aéreas pulmonares a permanecerem abertas e um corticosteroide, que reduz a inflamação e a irritação nos pulmões. Isto apenas ajuda a remediar a doença e a esgotar. A doença está numa realidade mais profunda da existência. Produzida pela energia proveniente da contenção de sentimentos e emoções.

A Solução – Como também ficou esclarecido na palestra anterior é urgente mudar o paradigma. Comecemos por aceitar que uma doença crónica não tem cura; mas tem recuperação.

Então o que é recuperação? Recuperação é mudança. Por isso a necessidade urgente de mudar, quando uma doença crónica surge.

Embora todos desejemos melhorar; e seja esse o propósito primordial de cada individuo que habita este planeta; todos têm medo do desconhecido reagindo a mudança. Essa reação ao novo, torna-nos escravos.

A ESCRAVIDÃO DO MITO

Embora experiências cientificas, mostrem com clareza que “TODAS AS POSSIBILIDADES ESTÃO NO MESMO LUGAR” base da tecnologia de ponta, usada na realidade diária. E apesar dos utensílios que usamos no dia-a-dia serem há bem pouco tempo considerados misticismo. Mesmo assim enlouquecidos pela negação ao novo, continuamos escravos de verdades antigas, sem qualquer utilidade hoje.

Simplificando: o mito é muito conveniente; mantem o individuo preso numa dimensão espiritual obsoleta, justificando a constante procrastinação.

“Tudo existe num estado de mudança”

O que funcionava antes, já não funciona mais. Somente existe vida no agora, cada momento é novo. O mundo é um lugar seguro e amistoso, para todos que se responsabilizam pela sua vida.

Quando nos comprometemos com a vida, tudo é perfeito no lugar onde nos encontramos. Aceitamo-nos tal como somos, e confiamos no fluxo e processo da vida. Reconhece-se que nada acontece por acaso, e respeita-se a infinita inteligência que reside em cada célula do nosso corpo. CONTINUAÇÃO


  • 2
13 - Cópia

COMO CORRIGIR A CAUSA DAS DOENÇAS CRÓNICAS- 1ª parte

Tags : 

COMO CORRIGIR A CAUSA DAS DOENÇAS CRÓNICAS

“Tudo existe num estado de mudança”

MASSURO EMOTO

Apesar da humanidade atravessar a mais deslumbrante de todas as épocas e usufruir duma tecnologia que não se distingue da magia; nunca foi tão doente e infeliz o ser humano.

Ainda que a OMS considere 85% das doenças Psicossomáticas, continua-se a fazer de conta que não é nada connosco. Ouvem-se gritos de mudança vindos de todos os sectores da sociedade, ao mesmo tempo que se luta ferozmente pela estabilidade, que é o mesmo que lutar pela morte, ou estagnação.

——– Saiamos deste clima de pescadinha de rabo na boca, que não leva a soluções mas a uma insatisfação cada vez mais acentuada, e debrucemo-nos sobre as Soluções.

Analisemos o que é preciso para que se crie uma doença – (apesar de “doença” ser um conceito criado pela industria, todas as medicinas sabem que não existem “doenças”, mas sim doentes). Embora se tente acreditar no síndrome do “de repente” (de repente apareceu um cancro; de repente teve um ataque cardíaco, etc,), todos sabemos que para que algo cresça e se desenvolva, precisa de usufruir de um campo fértil onde uma semente é semeada e devidamente tratada, para que se possa desenvolver saudavelmente.

– Vida é crescimento / multiplicação.

Para que algo se desenvolva, são precisas condições. Sem condições a vida não existe. Com um vírus, ou com uma bactéria, ou um cancro não é diferente; precisam de condições para se desenvolverem. Assim como não basta ter o solo para plantar uma semente é preciso também as condições ideais para a semente germinar.

Apesar da humidade e temperatura ideais serem suficientes para uma semente germinar, sem nutrientes e condições não se desenvolve.

Por favor tenha um pouco de paciência, mas é preciso fazer algumas aclarações para que possa ter uma visão clara e poder decidir em liberdade e responsabilidade.

Como se cria um terreno fértil para a doença?

O artigo anterior “COMO ELIMINAR PENSAMENTOS NEGATIVOS”, mostra o poder que os pensamentos negativos têm na criação das condições ideais para o desenvolvimento de qualquer doença “CRÓNICA ou INCURÁVEL”.

Mas para que se abranja a verdadeira dimensão, é preciso estar de mente aberta. Apesar da moderna tecnologia de ponta, e todos os utensílios usados na vida moderna, estarem baseados numa única experiencia Cientifica com mais de 200 anos, que depois de muito testada, mostra que tudo pode ser onda ou partícula, ainda a comunidade doente vive agarrada a conceitos ilusórios materialistas, mantendo-os na dor e sofrimento.

 

Agora que está de mente aberta para aceitar aquilo que os cientistas sabem há muito tempo (embora tenha sido vastamente pregado pelo Nazareno à 2000 anos), e que se baseia nesta afirmação: TODAS AS POSSIBILIDADES ESTÃO NO MESMO LUGAR –

  O que é que esta afirmação tem a ver com a prevenção de doenças crónicas?

  Tudo; é uma questão de escolha –

   Vamos agora diretamente ao ponto, dando a explicação na palestra. Ainda que nos próximos artigos  se possa retornar o assunto, por se encontrar diretamente ligado a todas as possibilidades.

Assim um terreno, para uma doença progredir, prepara-se da seguinte maneira:

1º Embebe-se o tecido com venenos tóxicos, através emoções negativas e de excessos alimentares, limitando e deformando a informação, que chega às células. Assim as vitaminas e os minerais são impedidos de entrar e a informação manipulada que chega à célula, cria o mal-estar ou doença. Assim conclui-se que para que existam condições para uma doença é preciso intoxicação e carência.

E que a única coisa sensata a fazer é desintoxicar e repor carências.

Como está a ficar longo este artigo, continua no próximo. Se tem dúvidas assista palestra on line e exponha suas dúvidas

António Shiva

antonio@solucaoperfeita.com

 


  • 0
lidar-pensamentos-negativos

COMO ELIMINAR PENSAMENTOS NEGATIVOS

Tags : 

lidar-pensamentos-negativos

COMO ELIMINAR PENSAMENTOS NEGATIVOS

Os pensamentos não têm origem na matéria física do cérebro. O cérebro é apenas um rádio que transmite pensamentos para a mente racional. Vejamos então.

Quando os pensamentos negativos ou preocupações se começam a instalar dirige o pensamento para Deus.
É interessante perceber como o universo tem preenchido todas as necessidades do Ser Humano. Aceito a verdade que o mundo seria um paraíso se todos entregássemos a Deus as suas necessidades. Sejam elas quais forem. Ninguém no mundo deveria preocupar-se com o futuro.
A preocupação bloqueia de vez o fluxo da evolução natural. Logo que surja a preocupação, sintoniza-se com milhões de outros que estão nessa mesma frequência, bloqueando o fluxo criativo da vida. Assim nessa frequência capta e atrai como um íman, para o subconsciente a realidade, e negatividade de milhões de mentes.
Portanto depois de entrar nessa frequência através da preocupação no mundo dos pensamentos obsessivos, ansiedade, medo, pessimismo, incerteza e imagens negativas – assumem o poder o dirigir a vida. É urgente reprogramar o foco e sair do mundo da preocupação.
Então como eliminar pensamentos negativos, e dançar com a vida? De onde vêm os pensamentos negativos?
A Cabala dá a melhor explicação que eu conheço. “Existem duas fontes distintas: a Força da Luz e a Força da Escuridão”. Atuam como duas estações transmissoras permanentemente no ar. E ainda segundo a Cabala, o Ego controla a força da Escuridão e comanda as ondas mentais! Vinte e quatro horas por dia, sete dias por semana, bombeia pensamentos negativos e egocêntricos gerando uma consciência de dúvida, insegurança, medo.
Enquanto não existir confiança incondicional no fluxo e processo da vida, apesar de parecer que o mundo está a desabar, é impossível viver na liberdade da Luz.
Mas antes de aprender como eliminar pensamentos negativos, precisa ainda saber que ao ser-se possuído pela ansiedade, no mundo das preocupações, não vive somente no medo e pânico. Esse estado de ansiedade no mundo da preocupação cria coisas terríveis. Tudo que tenha poder para criar mais medo pânico e dor é criado, para perpetuar esse mesmo mundo.
Então como sair deste mundo infernal? Nenhuma droga tem esse poder. O mais que se pode conseguir é um estado vegetativo.
O Segredo:
1º Desligar a preocupação.
2º Abrir o coração.
3º Aceitar o que não pode mudar.
4º Mudar o que tem poder de mudar.
ATENÇÃO
Este é o caminho percorrido por milhões que deixaram o mundo da ansiedade e regressaram a vida.


  • 0
images

Neurotransmissores e as doenças cardiovasculares

Tags : 

Palestra de 4ª Feira  19/11/2014

 

Neurotransmissores e as doenças cardiovasculares

Por mais que se queira retalhar o organismo humano, todas as dez triliões de células estão intimamente ligadas entre si. O corpo humano é um universo em que tudo é coeso num campo eletromagnético que, além de energia, leva também informação. Essa informação é inerente a esse mesmo campo. Os neurotransmissores são substâncias químicas produzidas pelos neurónios, as células nervosas com a função de In-formar. Por meio delas, são enviadas informações a outras células. Podem também estimular a continuidade de um impulso ou efetuar a reação final no órgão ou músculo. Os neurotransmissores atuam nas sinapses, o ponto de ligação do neurónio com outra célula.

Estima-se que existam 100 biliões de neurónios no ser humano. As possibilidades são infinitas quando se conhece a química das emoções. O potencial de produção de neurotransmissores é variável e por isso os estímulos são extremamente importantes. Estas substâncias ativam emoções, sentimentos e atitudes. Hoje através da nanotecnologia pode criar-se a emoção que desejarmos em nós ou nos outros, estimulando a criação de certos neurotransmissores. A produção de neurotransmissores por uma pessoa está relacionada com a bitola que ela aceitou como verdadeira. Mudando- se o conceito ou bitola, alteram-se instantaneamente os neurotransmissores. O importante é conhecer a mecânica e funcionamento. Qual o neurotransmissor que é produzido, em que quantidade e quando. Se entendermos a atividade bioquímica do corpo humano, podemos controlá-lo.

Na próxima palestra falaremos das chaves que incitam a produção de neurotransmissores produtores de sentimento proactivo em vez de reativo.

Hoje vamos falar dos neurotransmissores, mais importantes

Dopamina:

Gera prazer, alegria, força, êxtase, euforia, poder, sexualidade, confiança, sentimento de poder e coragem para enfrentar qualquer desafio. É um neurotransmissor extremamente potente. Sua falta é arrasadora para o estado geral de felicidade e força pessoal.

Serotonina:

Excita uma parte do cérebro e inibe outras. Alivia a depressão, a ansiedade e ajuda no sono. Atua no controle da dor, humor e instiga o sono. Estabiliza emocionalmente.

Endorfinas:

São extremamente importantes para o sentimento de felicidade, euforia, êxtase, relaxamento e bem-estar geral.

Contém propriedades analgésicas, calmantes, alívio da dor. Está diretamente ligada à existência aos níveis de dopamina no organismo.

Acetilcolina:

É estimulante. Controla o funcionamento de inúmeros órgãos, movimentos, memória, concentração, atividade sexual e emoções. Controla a libertação da hormona pela pituitária, na aprendizagem.

Noradrenalina:

É excitante. Aumenta o nível de atenção, melhora a memória. Alivia a depressão.


  • 0
mudança-de-planos

Mudança e recuperação

Palestra este Sábado

Sem mudança a recuperação é impossível, e quem não pode mudar sua mente não pode mudar nada.
George Bernard Shaw


Mudança

AVISO IMPORTANTE

Prezados internautas e leitores em geral preciso alertar e se possível fazer um acordo.

Apenas lhe rogo que abra a mente para uma serie de conceitos, muito importantes que, depois de aplicados, irão impulsionar sua qualidade de vida extraordinariamente. Sei que pode parecer arrogante este aviso, mas se assim o fizer, pode considerar-se fazer parte de um grupo de homens e mulheres que criam a sua própria realidade. O conhecimento resultante da leitura atenta, num clima de boa vontade e mente aberta certamente transformará positivamente todos os aspetos da sua vida. Os bons resultados inundarão sua vida como chuva torrencial abastece o rio. Comprometo-me a apresentar-lhe essas informações da forma mais clara e objetiva possível. Até uma criança será capaz de entender o que pretendo mostrar e oferecer. Nada lhe será ocultado.

Embora quando se fala em doenças Cardiovasculares o primeiro impulso é complicar, acredito piamente que a essência de tudo, é simplicidade. Por essa razão lhe pedi que abrisse a mente, para não complicar o que é inerentemente simples.

Descomplique então!

Resumindo o que foi dito nos últimas palestras

As artérias veias e capilares são as vias por onde se deslocam a força da vida física e emocional. O sangue é sempre a porta por onde entra a degeneração do sistema circulatório. A falta de pensamentos de alegria, podem contribuir para uma contaminação do sangue. Os hábitos de vida são a composição do sangue. Desde a atividade física até aos excitantes, álcool, drogas, alimentos, medicamentos, ar que se respira, pensamentos. Tudo faz parte da composição do sangue.

Quando os hábitos tóxicos são superiores à capacidade de gestão do organismo, o sangue absorve-os, tornando-se tanto espesso e viscoso quanto a quantidade resíduos nele diluídos. Claro que quanto mais espesso e viscoso for mais difícil será a circulação. A velocidade diminui e aumenta a possibilidade da coagulação do sangue, no interior dos vasos o que se dá o nome de trombose.

Quando aos primeiros sinais sintomáticos, se procura um profissional da doença; e em vez de ser feita uma desintoxicação restituindo-lhe a fluidez, e se alteram os hábitos nocivos de vida, se é compensado com medicação que nada mais faz do que contribuir para uma contínua degradação:

[icon name=”caret-square-o-right” class=””] Criação de resíduos nos vasos sanguíneos

[icon name=”caret-square-o-right” class=””] Deformação dos vasos sanguíneos

[icon name=”caret-square-o-right” class=””] A obstrução progressiva dos vasos

[icon name=”caret-square-o-right” class=””] Esgotamento do coração

São os temas a desenvolver na palestra de Sábado 15 de Novembro


  • 0
Insuficiência-cardíaca

Pressão arterial

Tags : 

Palestra de Quarta FeiraInsuficiência-cardíaca

Pressão arterial

As doenças Cardiovasculares têm como base uma obstrução, mais ou menos marcante, dos vasos sanguíneos e do músculo cardíaco. São doenças dos canais de irrigação ou sistema de comunicação. O entupimento e como desentupir é base de todo o procedimento.

Ficou claro na 1ª palestra que as artérias, veias e capilares são as vias por onde se deslocam a força da vida física e mental assim como a frequência criadora da realidade de cada um. Sendo assim o sangue é elemento criador dessa realidade.

Por outras palavras a base da composição do sangue são os hábitos de vida; que resultam do conjunto de crenças de cada individuo. A atividade física, os excitantes, café, álcool, drogas, alimentação, medicamentos, pensamentos e emoções, o ar que é respirado etc. etc. Tudo faz parte da composição do sangue.

No dia em que os hábitos tóxicos são superiores à capacidade de gestão do organismo, o sangue adota-os, tornando-se tanto espesso e viscoso quanto a quantidade de lixo nele diluído. Claro que quanto mais espesso e viscoso for, mais difícil será a circulação. A velocidade diminui, sufocando as células e aumenta a possibilidade da coagulação do sangue, no interior dos vasos; ao que se dá o nome de trombose.

Quando os primeiros sintomas aparecem e se procura ajuda dentro da oferta existente, raramente o utente está disposto a fazer mudanças que vão além da alimentação e exercício físico. Desvalorizando a atitude em relação a vida e a qualidade de pensamentos e emoções. Buscando sempre compensar com medicação, em vez de desintoxicar os vícios nocivos ou hábitos pouco saudáveis de gestão do quotidiano, contribuindo para a contínua degradação do organismo.

O que é pressão arterial?

A expressão “pressão arterial ou tensão arterial” diz respeito à pressão que o sangue faz na parede das artérias por onde circula, paredes que por isso ficam sob tensão.

O que é pressão Máxima e mínima?

Chama-se de máxima ou (sistólica), ao valor máximo alcançado com a contração do coração e mínima ou diastólica ao valor mínimo quando o coração a seguir se distende e relaxa.

Quais são os valores normais de um adulto saudável?

Segundo os limites estabelecidos em 2007, pelo Joint National Commitee (USA) – para a pressão arterial, os valores normais seriam igual ou inferior a 12/8 cm Hg (ou 120/80 mm Hg) para adultos. Os valores nas crianças são um pouco mais baixos.

É considerado Hipertensão igual ou superior a 14/9 cm Hg (ou 140/90 mm Hg) e Pré-Hipertensão a faixa que vai dos 12 a 13,9 (120 a 139) para a pressão sistólica ou máxima, e/ou 8 a 8,9 (80 a 89) para a diastólica ou mínima.

Embora estes limites por si só não contribuam para uma melhoria da qualidade de vida, servem de alerta para o melhoramento de caráter do individuo como diria o Dr. Marco Aurélio Dias da Silva “QUEM AMA NÃO ADOECE”. Ao contrário do que muitas vezes se tenta passar as doenças cardiovasculares, são doenças de conduta e civismo e não consequência inevitável do envelhecimento.


compre-aqui o Manual
Dezembro 2016
S T Q Q S S D
« Abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Sim, é possivel criar uma vida nova!!!