PROBLEMAS NOS OSSOS

 

Bloqueio físico

Sendo os ossos os elementos constitutivos do esqueleto, garantem a estabilidade da estatura e tomam parte no movimento.
Por problemas nos ossos entendem-se todas as doenças que começam por OSTEO (tal como OSTEOPOROSE, etc.)
bem como a dor nos ossos. Quanto a FRACTURA, ver ainda a definição neste livro.

 

Bloqueio emocional

Sendo os ossos a parte sólida do corpo, representam o apoio. Um problema nos ossos tem sempre ligação com o medo de não estar bastante apoiado ou medo de não apoiar bastante bem os outros. Isto produz-se na pessoa que se desvaloriza ou não se sente bastante sólida para se ocupar da sua vida por si mesma. A pessoa que se sente muilas vezes obrigada a apoiar os outros é a que tem necessidade de que os outros sejam dependentes dela para se sentir importante, facto que não consegue por si mesma. Desvaloriza-se logo que.já não se sente útil.
Eis porque a pessoa, com a idade, é levada a sofrer de osteoporose ou de outra doença que comece por OSTEO. Um problema nos ossos pode também manifestar-se numa pessoa que receia a autoridade ou uma autoridade em certa matéria.
Desvaloriza-se face à autoridade. Como reacção, tenta, portanto, tornar-se autoritária ou controlar para que ninguém tenha autoridade sobre ela.
Para as doenças que começam por OSTEO e terminam em ITE ver situações de cólera.

 

Bloqueio mental

Com esse problema nos ossos, o teu corpo envia-te a mensagem de acreditares mais em ti e te sentires mais sólido face a ti mesmo, reconhecendo que tens muito mais força do que.julgas. Diz-te tambérn que é tempo de estabilizares na vida, fazendo coisas no mundo físico que te agradem, sem te sentires culpado e com amor por ti mesmo. O teu corpo diz-te que tens tudo o que precisas para criares a tua própria estabilidade sem depender dos outros.
Já não tens necessidade de achar que és de mais ou não bastante isto ou aquilo para seres uma pessoa importante. Permite- te valorizar-te através do que és e não através dos resultados dos outros, dos que amas. Perante a autoridade, fica sabendo que não é porque alguém é uma autoridade num domínio particular que essa pessoa vale mais do que tu. Toma antes contacto com os domínios em que poderias mostrá-lo aos outros. Todos nós temos talentos. Se não consegues descobrir os teus, sugiro que o perguntes aos que te conhecem bem.

 

Do livro: Bourbeau L.  O teu corpo diz “ama-te”: A metafísica das doenças e do mal-estar.  Cascais: Pergaminho; 2002.

 

Nota:

 

A informação contida nesta página, não substitui a opinião de um técnico de saúde. Para um acompanhamento mais personalizado contacte as Terapias Online, ou, Questão ao Naturopata, ou,  A Saúde Quântica Responde, ou, “A Saúde Integral tem a Solução”.

 

Pin It on Pinterest

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar no nosso site consente a utilização dos mesmos. Saiba mais sobre os cookies aqui

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close