Obrigado

  • 0

Obrigado

Agradecer depois do naufrágio!

 

Após um naufrágio, o único sobrevivente agradeceu a Deus por estar vivo. E este único sobrevivente foi parar numa ilha deserta e fora de qualquer rota de navegação. O náufrago agradeceu novamente. Com muita dificuldade e com os restos dos destroços, ele conseguiu montar um pequeno abrigo para que se pudesse proteger do sol, da chuva e dos animais.
O tempo foi passando e a cada alimento que conseguia, ele agradecia. Um dia, voltando depois de caçar e pescar viu que seu abrigo estava em chamas, envolto em altas nuvens de fumo. Desesperado, revoltou-se e gritou chorando: “O pior aconteceu! Perdi tudo. Deus por que fizeste isso comigo?”

Chorou tanto que adormeceu profundamente, cansado.
No dia seguinte, bem cedo, o náufrago foi despertado por um navio que se aproximava.

“Viemos resgatá-lo”, disseram.

“Como souberam que eu estava aqui?”

“Nós vimos o seu sinal de fumo!”

 

 

O poder do agradecimento

 

Nesta pequena historia, podemos ver o quanto ingrato nós somos.

Falo por mim.

Nunca pensei em agradecer tudo o que eu achava que não era bom para mim.

Teimava com a força divina do universo, que eu é que sabia, e tinha de ser feita a minha vontade, ignorando todas as janelas que a vida me abria, cada vez que uma porta se fechava. Ignorei tantas vezes a presença da felicidade ali a meu lado, mas estava tão concentrada naquilo que me tinha acontecido, que não conseguia abrir me para o novo, e receber as dádivas que estavam há minha disposição.

Hoje descobri que “obrigado” é a chave que abre as portas da felicidade, e apesar de às vezes não perceber muito bem o que certas situações me podem trazer de benefício, simplesmente agradeço!

E todas as vezes que ficarmos naufragos nesta vida, lembrem-se AGRADEÇAM!

 

Isabel Pato


Leave a Reply

Sim, é possivel criar uma vida nova!!!