Durante os anos 60, descobriu-se que o estanho é um elemento necessário à vida de numerosos mamíferos.

O estanho entra nos processos biológicos da gastrina, que é uma rormona produzida pelo estômago e que passa para o sangue, assim como também faz parte de outros processos biológicos ainda por descobrir.

A poluição atmosférica levou as indústrias a utilizarem estanho, porque a inalação ou ingestão dos sais de estanho ou o consumo de conservas em “ferro branco” não provocam grandes níveis de toxicidade.

Indicações terapêuticas do estanho

  • Tem acção constante sobre as estafilococias
  • Potencializa a acçáo dos antibióticos
  • Profiláctico contra os antibióticos
  • Abcessos
  • Acne
  • Furúnculos
  • Artroses

Fonte: Manual de Medicina Ortomolecular- Ana Paula Ivo
Postado por: Isabel Pato

Pin It on Pinterest

Shares
Share This