Os oligoelementos podem ser repartidos em dois grupos: os micro e os macroelementos.

Os microelementos    

Microelementos

 Os microelementos são oligoelementos que existem no nosso organismo em quantidades muito pequenas, mas que são responsáveis pelo desenrolar de numerosos processos metabólicos, onde se associam, muitas vezes, a certas vitaminas. São os verdadeiros nutrientes inorgânicos, tal como as vitaminas, implicados nas reações enzimáticas.

  •  Cobalto
  •  Cobre
  •  Crómio
  •  Estanho
  • Ferro
  •  Flúor
  •  Iodo
  •  Manganês
  •  Molibdénio
  •  Níquel
  •  Selénio
  • Silício
  • Vanádio
  •  Zinco

Os macroelementos       

Existem sete elementos, ditos macro elementos, que, como o próprio nome indica,

Macroelementos

habitam em maior quantidade no nosso organismo.

No entanto, é conjuntamente com os microelementos que asseguram a construção e a reparação dos tecidos, intervindo diretamente na regulação do metabolismo celular. Cada dia que passa tornam-se mais indispensáveis e mais importantes.

  • Cálcio
  • Cloro
  •  Enxofre
  • Fósforo
  •  Magnésio
  •  Potássio
  •  Sódio

Fonte: Manual de Medicina Ortomolecular- Ana Paula Ivo

Postado por: Isabel Pato

Artigos relacionados

Holler Box

Pin It on Pinterest

Shares
Share This