loader image

 

b) Os complementos alimentares

A utilização de pólen, de levedura de cerveja, etc. permite acelerar o processo de cura. As fortes concentrações de vitaminas e minerais que estes produtos contêm e a sua fácil assimilação ajudam a satis­fazer as carências muito mais rapidamente, devido ao seu aporte em nutrientes, qualidade e variedade. Efectivamente, cada nutriente de­pende, em parte, da presença de outros nutrientes para que seja assi­milado correctamente. Alguns complementos exercem melhor efeito nuns pacientes do que noutros. Por conseguinte, é necessário um aconselhamento ou a experimentação para que se definam quais os mais convenientes. Podem tomar-se vários produtos em simultâneo.

Para a administração de vitaminas:

Principalmente o pólen, a levedura de cerveja (em pó ou líquida), as sementes germinadas, o óleo de gérmen de trigo e os concentrados de acerola.  

Para a administração de sais minerais e oligoelementos:

Sobretudo os comprimidos de pós de conchas, de ossos ou de algas; a água do mar, o magnésio, o melaço escuro, as águas termais, a cauda de cavalo (ou cavalinha)…  

Revitalizantes gerais:

A geleia real, o ginseng, o sémen de peixe, a mistura de levedura líquida e de sumo de verduras e fruta… Combatendo as carências, o doente consegue eliminar melhor as toxinas, e, por outro lado, quando o organismo se desprende das toxinas, as carências satisfazem-se mais facilmente. Os dois processos são inseparáveis.  

c) Remédios Específicos

Para além de satisfazer as carências nutritivas do organismo doen­te, é também necessário ampará-lo nos seus pontos vulneráveis. Os cuidados a observar deixam de ser gerais, quer dizer, deixam de ter uma acção global a nível do terreno, e dirigem-se particularmente a um órgão concreto ou a um problema específico. Pode tratar-se de estimular um órgão preguiçoso, tonificar uma função deficiente, acal­mar a irritação dos tecidos, desinfectar, etc. Cada doente tem os seus pontos fracos que devem ser considerados no momento do tratamento, assim como durante a grande tarefa de correcção do terreno. Entre os remédios ou cuidados específicos, poderão utilizar-se coisas tão diferentes entre si e, no entanto, tão eficazes, como as plantas medicinais, a aromaterapia, o magnetismo, a acupunctura, a homeo­patia, os toques nasais, a reflexologia plantar, a hidroterapia, etc. No entanto, convém repetir que estes cuidados específicos são apenas complementos do tratamento geral do terreno. Quanto mais doente se encontra um corpo, mais ávido está dos nutrientes de que carece.

De: Christopher Vasey

Do livro Compreender as doenças Graves Editorial Estampa Lda.

Inscreva-se na nossa Rede Social ATIVISTA DA NOVA ERA e faça download do livro no seguinte link:

http://ativistadanovaera.ning.com/page/biblioteca

Saiba mais sobre Vitaminas, Sais Minerais e Oligoelementos, Clicando Aqui!

Registe-se para receber as nossas novidades no seu email.

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Pin It on Pinterest

Share This