Coenzima Q10 (CoQ 10)

Coenzima Q10 (CoQ 10)

A Coenzima Q é um nutriente com um importante papel na produção de energia nas células do organismo e no processo de oxigenação. É usada no Japão desde 1974 e encontra-se disponível em 252 diferentes preparações.

A Coenzima Q é produzida pelo organismo e pode ser obtida através da dieta, mas a investigação mostrou fracas quantidades de CoQ’10 em tecidos que se tornaram doentes. Muitas das coenzimas nos sistemas humanos de energia são vitaminas, e os investigadores continuam a debater se a CoQ 10 faz parte desse grupo.

A CoQ 10 é terapeuticamente importante em várias situações, especialmente nas doenças de coração e na hipertensão. Karl Kolkers da Universidade do Texas em Austin (o pioneiro americano na investigação relativa à CoQ 10) encontrou provas de deficiência em CoQ 10 em doenças cardíacas em 1970. Verificou-se uma melhoria significativa na angina, em falhas cardíacas e outros problemas de coração no seguimento de uma terapia a longo prazo com CoQ 10 oral. Conclui-se que a CoQ 10 melhora as funções cardíacas e alivia os sintomas em pacientes com problemas de coração. Alguns estudos mostraram uma diminuição da tensão arterial em indivíduos hipertensos a seguir ao tratamento com CoQ 10.

Em 1974, foi conduzida uma investigação relacionando a CoQ 10 com a distrofia muscular. Crianças e adolescentes foram tratados e controlados.

Descobriu-se que algumas formas de distrofia muscular respondiam à terapia com CoQ 10 enquanto ela reduzia níveis anormais de enzimas na linfa.

Outra área em que a CoQ 10 é extremamente eficaz é em doenças peridentárias. A CoQ 10 é eficiente em casos de piorreia. Setenta por cento dos casos de pacientes com piorreia respondeu bem ao tratamento com CoQ 10.

A CoQ 10 vai rareando à medida que envelhecemos porque a decomposição das membranas celulares ocorre a um ritmo mais acelerado.

A medida que diminui a eficiência do sistema digestivo diminui também a quantidade obtida através da dieta. A CoQ 10 ajuda a prevenir a degeneração dos tecidos e constitui, portanto, um bom remédio contra o envelhecimento.

A CoQ 10 é também um bom auxiliar no alívio da fadiga que acompanha a baixa produção da tiroide; no emagrecimento, visto que aumenta a capacidade de o organismo queimar gorduras acumuladas para aquecimento, na manutenção dos níveis de açúcar no sangue, e no restabelecimento da eficiência muscular quando uma carência em energia resulta em fraqueza muscular.

A CoQ 10 pode ser tomada diariamente ou em dias alternados. E apresentada sob a forma de cápsula ou de pastilha e em diferentes potências.

Do livro: Manual Completo de Medicina Natural, de Marcia Starck

Postado por: Isabel Pato

Holler Box

Pin It on Pinterest